Sobre viver no presente

28 out

Algo que me deixa muito encabulada é o modo como as pessoas vêem o tempo. É estranho como elas querem que o ano chegue ao fim, ou que seja sexta-feira para, logo depois, começarem a reclamar da mesma forma.

O que mais tenho visto ultimamente é gente falando que esse ano tem que acabar logo. Doce ilusão achar que só porque é outro ano que a vida vai melhorar por si só.

Não é assim que funciona. O tempo passa rápido demais, só que nesses próximos dois meses muitas e muitas coisas podem acontecer. Para quem está decepcionado com 2011, ainda dá tempo de fazê-lo valer a pena.

Ao invés de reclamar dos domingos, segundas, terças, quartas e quintas, podemos tentar fazer com que cada dia simples se torne especial. É possível.

Se agirmos de forma negativa, a vida – que é uma só – vai passar e você vai perceber que ao invés de aproveitá-la, você apenas a assistiu pela janela.

Uma vez, Clarice Lispector jurou em um de seus textos que a vida é bonita. Acredito nela.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: